Curiosidade

Lave suas mãos imediatamente após tocar nessas 10 coisas

Depois de algumas semanas de quarentena dentro de nossa casa, com pouco a fazer a não ser tremer, tossir e me sentir péssimo, estou altamente motivado para evitar ficar doente novamente!

E como me preocupava com a saúde ultimamente, pensei a compartilhar algumas informações que podem ajudar a todos nós.

PUBLICIDADE

Ao tocar nas pessoas ou em outras superfícies ao longo do dia, você fica exposto a muitas bactérias e germes. Em particular, você pode se infectar tocando na boca, nos olhos ou no nariz.

O fato é que muitas pessoas lavam as mãos depois de tocarem em certas coisas e ficam menos exigentes quando encontram objetos que parecem “inofensivos”.

Aqui estão 10 coisas sujas que devemos lavar as mãos depois de tocar! Não esqueça de compartilhar.

10. Tábua de corte
Por último e não menos importante, no nosso ranking a Tábuas de corte escolhida pela quantidade de vezes que a usamos, não é sempre e quando usamos é em casa, logo a facilidade de poder se desinfectar é maior.

PUBLICIDADE

A tábua de plástico ou madeira podem abrigar todos os tipos de bactérias, especialmente se não forem limpas de maneira adequada. Quem lembra de jogar água fervendo todas as vezes após o uso?

Leia também: Como lavar as suas cortinas sem risco de estragá-las!

Continue lendo, para saber quais objetos você deverá lavar as mãos imediatamente.

PUBLICIDADE

9. Maçanetas

O problema é que é mais provável que as pontas dos seus dedos transmitam germes porque é assim que as pessoas tocam seu rosto.

Você deve lavá-las sempre que tocar nas maçanetas das portas de um prédio público, banheiro ou depois de usar o transporte público. Caso não possa, mantenha um  frasco de álcool em gel em sua bolsa.

Qualquer superfície tocada por várias pessoas ao longo do dia pode conter germes, incluindo corrimãos, alças e maçanetas. 

Além disso, você deve ter cuidado ao tocar os corrimãos em uma escada rolante ou em escadas públicas, pois nunca sabe quem tocou as mesmas superfícies antes. Não se esqueça de que é muito importante limpar regularmente as maçanetas da casa.

8. Toalhas de mão
Infelizmente, nem todo mundo que seca as mãos em toalhas de mão tem uma técnica perfeita de lavagem das mãos.

Isso significa que essas toalhas ficam sujas com o tempo, então certifique-se de trocá-las por outras limpas a cada 2 poucos dias!

7. Chaves
Pense nisso – você já se sentou e realmente limpou as chaves da sua casa ou carro? (Eu também não!) Mas com a frequência com que os manipulamos, não há dúvida de que estão cobertos por todos os tipos de bactérias. eca!

Leia Também: 6 Usos Surpreendentes para o Listerine além da Limpeza Bucal

6. Sacolas de compras reutilizáveis

E por falar em mantimentos, não se esqueça dos seus sacos de compras reutilizáveis!

Entre carrinhos de compras, correias transportadoras de caixa e outras superfícies sujas, as bactérias têm muitas oportunidades de pegar uma carona nessas bolsas.

Para limpar sacolas reutilizáveis ​​de vinil ou plástico, limpe-as com água oxigenada para eliminar os germes. Para bolsas mais parecidas com tecido, basta jogá-las na máquina de lavar com uma tampinha de Lusoform!

5. Esponja

esponja
De acordo com um estudo de 2017, esponjas de cozinha usadas podem abrigar centenas de milhões de bactérias por centímetro quadrado!

É por isso que é importante substituir a esponja da cozinha regularmente e jogá-la na máquina de lavar para mantê-la limpa entre os usos ou Você também pode ferver para matar os germes.

Para os especialistas em higiene o ideal limpar a esponja no Microondas. O microondas elimina 99,9% dos germes.

“Em uma casa com uma rotina média de lavagem de louças (duas vezes ao dia) a durabilidade média de uma esponja estará na faixa de dez a quinze dias”, explica Maria de Lourdes, profª. do Instituto de Biociências da Unesp.

*Dica caseira: Troque a esponjas a cada 7 dias, dessa forma, após a esterilização a esponja é reutilizada pela última vez na limpeza do tampo vaso sanitário e descartada seca.

4. Botões de elevador e portarias
Pense em todos os diferentes botões que você toca durante um dia normal, como os botões de AMTs, faixas de pedestres, parquímetros, elevadores e muito mais!

Mantenha um frasco de álcool em gel em sua bolsa  para manter os germes afastados quando estiver fora de casa.

3. Menus

menu de restaurante
Todos lidam com o menu de um restaurante, e isso os torna um ímã para germes! Os menus de papel não são tanto um problema, mas os menus de plástico têm muitos recantos para as bactérias esconderem.

Pesquisas mostram que um menu médio pode conter até 200.000 organismos bacterianos devido ao contato com várias pessoas.

Você não pode evitar tocar no menu do restaurante, mas lave as mãos após fazer a escolha da refeição e, é claro, antes de começar a comer.

2. Moedas
As moedas são as mais perigosas porque carregam uma quantidade razoável de germes.

Muitos pesquisadores descobriram que centenas de microrganismos podem ser transferidos, pois você nunca sabe quem tocou no dinheiro antes. Além disso, você precisa saber que os cartões de crédito e débito carregam germes.

Leia também: Formiguinha que vive na sua casa é verdadeiro perigo à saúde. Veja dicas simples para espantar inseto

1. Itens da sala de espera
Considerando a quantidade de enfermos que por ela passam, a sala de espera de qualquer consultório médico ou hospital pode estar repleta de germes.

Da caneta de registro aos apoios de braços nas cadeiras, existem dezenas de lugares onde as bactérias podem acabar após serem tratadas por alguém com um resfriado (ou pior!)

Bônus:

Tela de telefone
Segundo muitos pesquisadores, as pessoas geralmente passam em média três horas em seus telefones todos os dias.

Nossa tela do telefone é dez vezes mais suja do que a maioria dos assentos sanitários, segundo muitos cientistas, e é porque está totalmente exposta a tudo o que tocamos.

Envie para amigos e familiares as informações dessa matéria feita com muito carinho. Seu compartilhamento é muito importante para esse pequeno Diário crescer. ♥

Mais Lidas de Curiosidade