PUBLICIDADE
Saúde

Dente de leão Aumenta Imunidade, desincha, ajuda a desintoxicar o fígado e acaba com infecções

Pode ser o arqui-inimigo de um proprietário experiente em quintais, mas os dentes-de-leão têm suas qualidades redentoras. Na verdade, essas “ervas daninhas” são comumente usadas na medicina popular, e já há algum tempo.

Quando as pessoas falam sobre chá de dente-de-leão, elas estão falando basicamente sobre uma de duas bebidas diferentes: uma infusão feita com as folhas da planta ou uma feita com raízes de dente-de-leão torradas.

Ambos são considerados seguros (contanto que você não pulverize seu quintal com herbicidas ou pesticidas) e são usados ​​para uma variedade de propósitos.

PUBLICIDADE

1. Diminui a retenção de Água
Se você estiver se sentindo inchado , o chá de dente-de-leão pode fornecer alívio porque atua como um diurético e aumenta a produção de urina.

Um estudo mostrou um aumento da produção de urina após duas porções de 1 xícara de chá de dente de leão feito com as folhas da planta.

PUBLICIDADE

2. Pode promover a saúde do fígado
A raiz do dente-de-leão é considerada um “tônico para o fígado” na medicina popular. Estudos preliminares sugerem que isso se deve, em parte, à sua capacidade de aumentar o fluxo da bile.

Os naturopatas acreditam que isso significa que o chá de raiz de dente de leão pode ajudar a desintoxicar o fígado, ajudar com problemas de pele e olhos e aliviar os sintomas de doença hepática.

Um estudo de 2017 sugere que os polissacarídeos no dente-de-leão podem realmente ser benéficos para a função hepática.

3. Pode promover a saúde do fígado


A raiz do dente-de-leão é considerada um “tônico para o fígado” na medicina popular. Estudos preliminares sugerem que isso se deve, em parte, à sua capacidade de aumentar o fluxo da bile.

Os naturopatas acreditam que isso significa que o chá de raiz de dente de leão pode ajudar a desintoxicar o fígado, ajudar com problemas de pele e olhos e aliviar os sintomas de doença hepática.

Um estudo de 2017 sugere que os polissacarídeos no dente-de-leão podem realmente ser benéficos para a função hepática.

4. Semelhanças entre dente de leão e um remédio para perder peso?
O estudo coreano Sugere que o dente-de-leão pode ter efeitos semelhantes no corpo como o remédio para perda de peso Orlistat, que atua inibindo a lipase pancreática, uma enzima liberada durante a digestão para quebrar a gordura.

Testar o impacto do extrato de dente de leão em ratos revelou resultados semelhantes, o que levou os pesquisadores a recomendar estudos adicionais sobre os possíveis efeitos anti-obesidade do dente de leão.

5. O chá de dente-de-leão pode aliviar doenças digestivas
O chá de raiz de dente-de-leão pode ter muitos efeitos positivos sobre o sistema digestivo, embora muitas das evidências sejam relativas.

Tem sido historicamente usado para melhorar o apetite, aliviar doenças digestivas menores e possivelmente aliviar a constipação

6. Pode ter futuras aplicações anticâncer
Recentemente, a raiz do dente-de-leão foi estudada por seu potencial no combate ao câncer e, até agora, os resultados parecem promissores.

O Estudo canadense de 2011 mostraram que o extrato da raiz do dente-de-leão induz a morte celular em células de melanoma sem impactar as células não cancerosas. Outro mostrou que faz o mesmo com as células do câncer pancreático.

Embora os efeitos anticâncer do chá de dente-de-leão não tenham sido testados, o potencial é positivo.

7. Pode ajudar a prevenir infecções do trato urinário
Combinado com outra erva, uva ursi, raízes e folhas de dente de leão pode ajudar a prevenir infecções do trato urinário.

Acredita-se que essa combinação funcione por causa dos compostos antibacterianos do uva ursi e do aumento da micção associado ao dente-de-leão.

Fonte: healthline.com

PUBLICIDADE
[DISPLAY_ULTIMATE_SOCIAL_ICONS]
Mais Lidas de Saúde
PUBLICIDADE